Image14945.jpg

Nossa História

O Balé Jovem de São Vicente foi criado em  2002 no galpão do Horto Municipal da Cidade, atendendo crianças residentes em áreas de grande vulnerabilidade social e possibilitando, através da dança e da cultura, a realização de sonhos e a transformação do indivíduo.
O curso, que se chamava Ballet do Horto Municipal, teve inicio com apenas cinco
crianças do bairro, sob a coordenação de Geyssa Alencar e Sabrina Olimpio.
Após um ano, em 2003, o número de crianças atendidas passou de cinco para mais de 120 alunos, atendendo crianças e jovens, que residem em diversas áreas de
São Vicente, Santos, Cubatão, Guarujá, Itanhaem e Interior de São Paulo.
Com o desenvolvimento cultural e técnico, os alunos iniciaram a participação
em competições (festivais) de dança, possibilitando também a participação em
cursos e workshops.
O projeto se tornou um grande centro de formação e mudou o nome para
Balé Jovem de São Vicente, onde hoje atende cerca de 500 jovens, mudando
suas vidas através da arte da dança e conquistando mais de 800 troféus para a escola.

 

Missão

O Balé Jovem de São Vicente é a escola que mais proporciona caminhos de profissionalização para jovens bailarinos no Brasil.
Através do trabalho de formação e participação em concursos nacionais e internacionais a escola soma mais de 15 bailarinos que conquistaram bolsas de estudos em Escolas e Companhias da Europa e dos Estados Unidos, gerando uma mudança de vida, mudança cultural e oportunidade de viver através da sua arte.

bj-ensaio_44.JPG